As mulheres da andIwonder

Porque a mulher teve de lutar pelos seus direitos, pela igualdade e pelo reconhecimento celebramos neste dia em especial o dia da Mulher.

Na andIwonder o cliente principal é a Mulher. Todo o nosso trabalho é pensado na Mulher! No que ela gosta, na realização do seu sonho, na satisfação dela… tudo gira à volta de quem domina o mundo andIwonder: a Mulher

Curiosamente também são mais mulheres do que homens que trabalham na andIwonder. Por isso, hoje -neste dia em especial – decidi contar-vos um pouco sobre as grandes mulheres que neste momento estão na andIwonder. Vejamos o que cada uma delas respondeu aos seguintes tópicos que preparamos para elas:

  1. Maior Conquista
  2. Maior Desafio
  3. Igualdade entre Mulher e Homem
  4. Moda e a Mulher
  5. andIwonder e a Mulher

Sandra Azevedo

A Sandra A. foi uma das primeiras colaboradoras da andIwonder, portanto sentiu-se muito à vontade em responder a estes cinco pontos. Como esperava, quem é mãe considerou a maior conquista o “ser mãe”. Assim foi a resposta da Sandra A. da Teresa e Fátima. Por outro lado, para Sandra ser mãe não foi só a sua grande conquista, como continua a ser o seu maior desfaio. Educar o filho devidamente é o desafio que a vida para já lhe propôs. São ideias tradicionais, muito típicas de uma cultura latina, em que a educação continua a ser uma tarefa considerada principal da mãe. Daí também a Sandra ter respondido à questão da “igualdade”, que em geral a mulher ainda tem de lutar para que o seu trabalho seja valorizado no emprego e em casa. No entanto, na moda considera que a saia, o bikini e o salto alto conseguiram de facto romper com algumas linhas tradicionais / antiquadas. A mulher não se tem de tapar e o facto de estar a mostrar mais pele só reflete a sua autoconfiança, a sua autoestima e a sua independência. Já na andIwonder considera que toda a mulher moderna recebe o seu devido tratamento: tudo é pensado ao pormenor para ELA.

Ana Teresa

A Teresa é uma das Mulheres que mais recentemente entraram no mundo andIwonder. Também a Teresa é mãe e considera o seu papel de mãe o seu maior feito! A Teresa foi mãe muito novinha e teve por isso muitos desafios que acabou por ultrapassar! Ser mãe, nova, fazia parte do seu desejo, por isso o desafio transformou-se numa fantástica conquista. Também devido a experiências profissionais que teve, tem a ideia, que infelizmente a igualdade de tratamento não existe em algumas empresas. A Teresa não se considera seguidora da moda, nem fashionista, mas tem consciência que a evolução que a moda feminina teve, está estreitamente ligado ao que a mulher foi conquistando ao longo da história. Na andIwonder acha muito positivo pensar-se no conforto da Mulher e não só na parte estética.

Sandra Bastos

A Sandra B. conhece a andIwonder desde a sua fase embrionária, tendo tido a oportunidade de assistir em primeira fila e participar em toda a sua evolução. Licenciada em Design e a acompanhar de perto o projeto, conseguir acabar os estudos e de seguida ter um lugar numa empresa criativa como a andIwonder foi uma grande conquista. Sendo a Sandra uma mulher jovem e moderna, considera que a mulher de hoje está muito melhor do que antigamente. Os desafios são mínimos, ou minimizados… Por outro lado, era mais fácil antigamente valorizar pequenas conquista enquanto Mulher, por outro lado, sente que ao mesmo tempo sentimos uma maior pressão para “fazer igual” ou “fazer melhor”. Daí no “mundo da Sandra” a Mulher e o Homem viverem em igualdade. Tirando talvez no campo da moda, diz a Sandra, onde a Mulher tem mais oportunidade de ser arrojada, diferente e única do que o homem. O que acha que também vai ao encontro do que fazemos na andIwonder: realizamos o sonho DELA e fazemos indiretamente parte de um dos dias mais especiais e únicos da vida DELA.

Vera

Foi interessante entrevistar a Vera, que consideramos uma das mulheres da andIwonder que diz o que o seu coração sente. Daí talvez também a Vera considerar uma das suas conquistas ter sido conseguir não desesperar em certas situações. Depois de percorrer vários caminhos e lutar, hoje sente-se feliz até onde chegou, no entanto, sendo uma pessoa ambiciosa, anseia sempre por mais. Outra característica da Vera, é que é cumpridora dos seus compromissos. Teve a oportunidade / desafio de ter uma experiência no estrangeiro, que foi desafiante pois no momento da partida a vida dela já tinha dado uma reviravolta. Quanto à igualdade, pensa que em geral existe, mas que em momentos em que a Mulher tem um cargo de maior responsabilidade, a situação poderá complicar, porque a competição é maior e essencialmente dominada por homens. Já na moda considera que os estereótipos do que é “feminino” e do que é “masculino” foram banidos com a eliminação do corpete e com a utilização de looks mais masculinos por parte da mulher. A Mulher moderna pensa hoje em dia em agradar-se a si própria e não ao homem. E a palavra agradar é o que a Vera considera uma mais valia praticada pela andIwonder para as Mulheres. Em todos os projetos, sejam fáceis, difíceis, arrojados, simples… na andIwonder o desafio realizar todos os sonhos únicos e agradar a todas as mulheres únicas que nos visitam.

Tânia

A Tânia foi a nossa primeira Gestora de Experiências e deve ser provavelmente a que sabe mais sobre Mulheres, dos seus diversos gostos e dos seus desejos, pois é quem lida diariamente com (quase) todas as mulheres que contactam a andIwonder. Além do contacto diário com mulheres e de trabalhar com muitas mulheres, também entende muito bem como por vezes é complicado ser Mulher, pois numa das suas conquistas, que foi viajar sozinha, percebeu como em certos países as pessoas olhavam para uma mulher ou um grupo de mulheres que viajam sós. Já sair do lar para um período sem fim e não durante as férias, está a ser um dos seus desafios. Tendo em conta as suas experiências de viajante, não é de admirar, que a Tânia considere que ainda existem muitas diferenças entre Mulheres e homens. A igualdade ainda não está conquistada! Já a moda foi muito importante para a Mulher marcar a sua posição. Além disso foi uma forma que a mulher encontrou para se exprimir. Na andIwonder valoriza fazermos parte de um sonho, do casamento de sonho de cada uma das nossas clientes.

Fátima

Com apenas uns dias de experiência na andIwonder, sente que a mudança de uma empresa “tradicional” onde trabalhou 11 anos para uma empresa jovem como a andIwonder está a ser neste momento o seu maior desafio. Tudo é diferente, daí o desafio de alcançar o seu objetivo de ser bem-sucedida. Também a Fátima é mãe e os seus filhos são a sua maior conquista. Durante todo o percurso profissional nunca sentiu desigualdades entre Mulher e homem, mesmo com 3 filhos… Quanto ao que a moda trouxe de positivo para a mulher, responde: emancipação! E a andIwonder: revolucionou o conceito de sapato pelo atendimento e design.

Kelly

A Kelly viveu alguns anos na Suíça, na na parte italiana, e relaciona as suas conquistas e desafios com esses momentos. Aquando na Suíça sentiu as diferenças culturais e a dificuldade de dominar a língua, o que por sua vez a levou a ter mais dificuldades em fazer amizades. Era um desafio para ela aprender a língua e conseguir falar sem ser gozada. Em termos de diferenças de igualdade entre Mulher e homem não passou por nenhuma situação de desigualdade. A Kelly partilha a opinião com a Tânia, de a moda ser uma forma que a mulher encontrou de se expressar melhor. Também na andIwonder a mulher encontra a sua forma de expressão: escolhendo o seu sapato e tendo a oportunidade de gravar a sua sola.

Daniela

Os receios e medos entre as duas jovens são de certa forma partilhados. Enquanto que a Kelly teve dificuldades de socializar num país diferente, a Daniela receava a receção e adaptação no seu primeiro estágio (aqui na andIwonder). Considera uma grande conquista, o facto de ter ultrapassado esse medo de se relacionar com as pessoas no trabalho e de se ter conseguido adaptar muito bem a esta pequena experiência no mundo laborar. Por outro lado, ainda tem dois desafios pela sua frente que são: terminar o curso com bons resultados e entrar na faculdade. No “mundo da Daniela” a igualdade entre Mulher e homem existe em perfeita harmonia, mas sabe que nem sempre foi assim. Por exemplo, hoje a moda (a seu ver) trouxe liberdade para a Mulher. Liberdade que também relaciona com um dos serviços prestados ao cliente andIwonder: liberdade de escolha. Na andIwonder a cliente tem a oportunidade de escolher algo único só DELA!

Por último falta-me só eu responder… Ora aqui vai:

Andreia Silva

Também sou mãe sim… É claro que é fantástico ter uma filha e ser diariamente desafiada por ela (paciência, educação, resistência etc). Ela sim gosta (como qualquer criança) de me desafiar e sim, tento conquistá-la todos os dias com o meu amor, paciência e dedicação… Mas talvez a minha maior conquista, algo para o qual tive de lutar muito para conseguir alcançar, foi tornar o meu sonho real, sustentável e credível aos olhos dos outros. Tive muitos desafios relacionados com a “construção da andIwonder de hoje”, mas nada que com determinação e trabalho não se conquiste! E não são assim as coisas boas da vida? Não conseguimos uma boa educação se não nos empenharmos, não conseguimos ser bem-sucedidos se não errarmos, questionarmos e lutarmos para melhorar todos os dias. Enquanto mulher e como mulher empresária confesso que por vezes é desafiante conciliar o trabalho e a família… Quanto a Igualdade entre Mulher e homem, felizmente posso contar com toda a ajuda que necessito do meu marido para educação da nossa filha. Em nossa casa não existe “a mulher trata da casa e dos filhos” e “o marido trabalha”! Portanto no país que vivemos não aceito que uma mulher “aceite se sentir em desigualdade”, se o sente deve fazer ouvir a sua voz! Felizmente vivemos num país livre! Quanto à andIwonder (o meu desafio e a minha conquista), espero que todas as clientes sintam que com o que criamos para elas, expressamos as suas vontades, os seus sonhos e que somos o resumo de tudo o que elas são (uma mistura de sentimentos, personalidade, crenças etc.), traduzido num produto! Por fim, mesmo acompanhadas por noivo, mãe, irmã, amiga etc. a voz que ouvimos é só a sua!

Feliz dia das Mulheres a todas as Mulheres, Meninas e Senhoras!

Um beijinho,

Outras Notícias